português
inglês
francês
suaíli
introdução
visão
notícia
índice
sujeitos potenciais
bibliografia
subsídios
escritórios
escreva-nos


Church, John Edward
n.1899 f.1989
Igreja Anglicana/ Igreja da Uganda / Igreja Episcopal da Ruanda (Movimento Balokole)
Ruanda / Uganda

Dr. John Edward Church estudou medicina no Emmanuel College em Cambridge e no Hospital Santo Bartholomew em Londres.

Como missionário da Missão Ruanda da Sociedade Missionária da Igreja o Dr. Church começou o seu trabalho em Kabale, Uganda, em 1927. Logo após a sua chegada mudou-se para Ruanda e começou o trabalho médico em Gahini. Casou-se com a Doutora Decima Staceym uma médica formada no Royal Free Hospital, em Londres.

O desenvolvimento do trabalho médico no norte da Ruanda concentrado em Gahini deve-se em grande parte ao seu entusiasmo, empreendedorismo e habilidades artísticas. Em 1929 a sua preocupação com aqueles que passavam fome no norte da Ruanda o tornaram uma pessoa pública. Seus pedidos de ajuda chegaram até o governo e a imprensa na Bélgica e na Grã-Bretanha.

O trabalho principal dos Doutores Joe e Decie Church estava centralizado no Hospital Central de Gahini. Quando estava desanimado com os progressos espirituais do seu trabalho missionário, conheceu Simeoni Nsibambi, um notório Mugandanês, em Kampala. Ambos compartilhavam profundas convicções espirituais sobre o poder de Deus para reavivar a sua igreja nos anos seguintes. Nos anos seguintes esse avivamento se tornou evidente em Gahini. O Doutor Church formou em torno de si mesmo uma equipe de africanos no hospital e na igreja. Foi no território vizinho de Kigezi, Uganda, onde ocorreram as maiores manifestações do Avivamento do Leste da África. O doutor Church estava convencido de que aquela equipe de homens e mulheres que eram "um por todos" e "todos por Deus" foi a maior contribuição do seu trabalho. Ele teve um papel de liderança em muitas missões evangelísticas e convenções da Ruanda, Burundi, Uganda, Sudão, Quênia e Tanzânia. Características notáveis do movimento provocaram extraordinárias quebras de barreiras étnicas e nacionalistas e elevaram o status das mulheres. O Dr. Church tinha sido associado da Convenção Keswick, no Reino Unido, e o lema dela que era "Todos somos um em Jesus Cristo" tornou-se uma realidade visível e prática no Leste da África.

Até 1947devido, em parte, a restrições a viagens internacionais impostas pela Segunda Guerra Mundial o seu ministério limitou-se, maiormente ao Leste da África. Numa visita à Grã-Bretanha com William Nagenda e Yosiya Kinuka, deu-se início a uma era de viagens de equipes sempre com um ou mais africanos. Os países visitados estavam: na África (do Sudão até a África do Sul), na Europa, nas Américas e na Ásia (Índia e Paquistão).

Durante este período os Doutores Joe e Decie Church trabalhavam em tempo parcial no Hospital de Gahini e tiveram cinco filhos.

A sede da Igreja em Gahini, em Ruanda, recebeu a maior parte da visão e zelo do Doutor Joe Church, mas o seu nome é maiormente associado com o Avivamento do Leste da África. Apesar de não ser um orador eloqüente, a sua exposição bíblica mansa das verdades bíblicas e as suas ilustrações simples usando bonecos de palito eram muito eficientes. A sua humildade e consideração com aqueles que trabalhavam com ele sem importar gênero, nacionalidade ou grupo étnico, tornaram-no uma pessoa muito querida e aceita. A sua expressão: "O Altíssimo" caracterizou a meta da sua vida e trabalho que era servir ao "Deus Altíssimo" com honestidade e igualdade racial nas suas relações pessoais.

O fato do Dr. Church recusar-se a discriminar grupos étnicos lhe rendeu a desaprovação dos revolucionários da Ruanda e sabiamente teve que deixar o país em 1961. Mudou-se para Uganda e em cooperação com o seu filho, o Dr. Robin Church, montou um Hospital em Kabarole, Tooro. Ao aposentar-se em 1965, ele e sua esposa viveram às margens do Lago Victoria e finalmente deixaram a África em 1972, quando a Uganda sentia o impacto do regime de Idi Amin. Eles fixaram residência em Little Shelford, próximo a Cambridge, na Inglaterra.

H. H. Osborn


Bibliografia:

Dr. J. E. Church, Quest for the Highest (Uma autobiografia) (Paternoster, 1981).
K. Makower, The Coming of the Rain (Biografia) (Monarch, 2000).
H. H. Osborn, Pioneers in the East African Revival (Apologia, 2000).

Este artigo foi recebido em 2002, escrito para o DIBICA pelo Dr. H. H. Osborn, autor do livro: Pioneiros do Avivamento do Leste da África.



John and Decie Edward

Ampliar